Hérnia de Disco



O disco intervertebral é uma placa de tecido cartilaginoso que que amortece os impactos entre as vértebras que formam a coluna. Hérnia de disco é quando essa parte central do disco se projeta além de seus limites, comprimindo raízes nervosas. Isso pode ocorrer após traumatismos, em qualquer parte da coluna vertebral: cervical, toráxica ou lombar.

As causas são várias: acidentes, esforços repetitivos, má postura, trabalho físico pesado etc.

Os sintomas na região cervical são: dor ou dificuldade de movimentação no pescoço, nos ombros ou nos braços; sensação de formigamento ou de fraqueza nos braços ou nas mãos. Na região toráxica os intomas mais comuns são dor e desconforto. Na região lombar pode haver dor no quadril e nas pernas, dificuldade para andar e flexionar a coluna, diminuição da sensibilidade ou da força e sensação de formigamento.

O diagnóstico é feito clinicamente e por meio de exames como raio-X, tomografia e ressonância magnética.

O tratamento pode ser cirúrgico ou não. È possível tratar de hérnias de disco com fisioterapia, aumentando o grau de mobilidade, diminuindo a compressão e fortalecendo os músculos. As técnicas utilizadas vão desde asmanuais até a mesa de tração eletrrônica.